Os Três Maiores Sentimentos

sentimentos

Qual é o maior sentimento, qual é o mais forte, qual nos impacta mais?

A grande maioria das pessoas vai errar, isto porque naturalmente temos a grande mania e defeito de nos apegarmos sempre às coisas ruins que nos acontece, desprezando as boas. Como exemplo, podemos passar um dia maravilhoso tanto na praia ou mesmo nos parques, o passeio pode ser maravilhoso, com alegrias, brincadeiras, muito carinho e amor. Mas se algo der errado, como um esbarrão no carro, ou mesmo prender o dedo na porta do carro, o lugar e o passeio se torna péssimos, não importa se tiveram 8 horas maravilhosas, pois aqueles 30 segundos ou 10 minutos de tensão estraga todo o resto. Acabamos esquecendo toda a alegria e felicidade vivida e concentramos toda nossa energia naquilo que no machucou ou ofendeu… Por isto que a resposta mais natural seria amor, ódio e vingança.

O primeiro da lista é e sempre será o Amor por ser o sentimento especial e sublime.

O verdadeiro amor é bom; não é invejoso; não trata com leviandade, não se engrandece, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; não busca a injustiça, mas busca a verdade; o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O ódio ou a vingança também se destacam à primeira vista por ser o mais impactante na vida das pessoas, pois temos o terrível defeito de nos importarmos mais com as coisas que nos agride do que com as que nos alegram. E é neste ponto em que acabamos por impactar negativamente nossa vida, pois somos fruto do que nos alimentamos e quanto mais sentimentos negativos nós alimentarmos, nos envolver com negativismo e nos mover em sentimentos ruins pior será a nossa vida e a nossa convivência do dia a dia.

Contudo acabamos nos esquecendo da saudade, e do arrependimento. Só tem saudade quem tem do que se recordar. Costumo dizer e afirmar que nos devemos aproveitar ao máximo e curtir ao máximo as coisas boas que vivemos. Nunca podemos nos esquecer de quando ganhamos flores, um abraço bem apertado, um beijo apaixonado, uma companhia nas horas difíceis, passear de mãos dadas, uma viagem maravilhosa, a vida de um amor verdadeiro, as pessoas que nos estenderam as mãos nos momentos mais difíceis de nossas vidas… Por isto a saudade é o mais forte, pois nos faz lembrar e ter vontade de reviver tudo que nos fez e nos faz bem.

E por ultimo o arrependimento, pois este é o que nos move e o que mais nos impacta. Ele maltrata nosso coração com a constante pergunta: “por quê?”. O “por quê” pode nos maltratar a vida toda, tanto faz por ter feito ou falado algo ou por ter deixado de falar ou de fazer. E nem sempre será possível voltar atrás e pegar o mesmo caminho.

O cuidado que temos que ter é não confundir o arrependimento com remorso, pois o remorso só nos faz sofrer, só nos destrói e nos magoa, pois é um ato sem atitude. Mas quandonos arrependemos tomamos atitudes, e com isso podemos na maioria das vezes inverter ou amenizar o quadro deixado, é o momento em que demonstramos nossa humildade e nossa fragilidade, de que podemos ser pessoas melhores e seguir caminhando.

Mas por isto que Deus é bom e nos diz em Isaias 55: 8 a 13 diz:

“Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos. Porque, assim como desce a chuva e a neve dos céus, e para lá não tornam, mas regam a terra, e a fazem produzir, e brotar, e dar semente ao semeador, e pão ao que come. Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei. Porque com alegria saireis, e em paz sereis guiados; os montes e os outeiros romperão em cântico diante de vós, e todas as árvores do campo baterão palmas. Em lugar do espinheiro crescerá a faia, e em lugar da sarça crescerá a murta; o que será para o SENHOR por nome, e por sinal eterno, que nunca se apagará.”

Desta forma, nunca venha a nutrir maus sentimentos, ao invés disto, plante e distribua os bons e os quês nos fazem bem e lembrem-se, se a atitude tomada te faz bem é porque é de Deus, mas se te fazem sentir mal, não provem de Deus.

O maior sentimento é o AMOR, o mais forte a SAUDADE, e o que mais impacta é o ARREPENDIMENTO.

autor: Gleidson Rocha

Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Edificando a casa na Rocha

Já ouvi muitas pessoas falando que a sua casa esta edificada na rocha, fazendo menção ao texto bíblico descrito em Mateus 7: 21 ao 27. Mas você já parou para meditar e refletir neste texto? Fez comparações com o cotidiano de sua vida e das pessoas que você conhece?

casa sobre a rochaAcredito que reclamar é um dom (ou defeito) que todas as pessoas têm. Isto porque sempre achamos que as nossas lutas são mais difíceis, nossos problemas são maiores, nossa tristeza é maior, nosso deserto é mais longo.
E quando tentamos mostrar o outro lado da moeda, sempre ouvimos um corte seco e curto com as frases: “você não entende, você não sabe, quero ver se fosse com você”… O que traduzindo significa: eu não sei porque estou passando por isto, estou perdido e não sei o que fazer, sinto que minha luta e minha dor é maior do que a de qualquer um…

E digo que esta tradução pode ser verdade, a sua verdade, porque cada um de nós temos um limite de pressão física e psicológica, somos soberanos em nossa individualidade, por isto cada um tem uma forma de passar pelas situações. Como exemplo, se numa firma são demitidos 10 pessoas, cada uma delas vai se portar e encarar de forma diferente… um vai chorar dias, outro meses, outro vai encarar como uma oportunidade, outro vai buscar uma recolocação rapidamente, outro tentara entender o que aconteceu, outro buscara contar à família com o menor impacto possível e outro vai direto se alcoolizar. Em resumo, encaramos de formas diferentes as mesmas situações e cada um tem seu tempo para absorver, vencer e continuar caminhando.

Voltando ao texto..

“Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha;
E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha.
E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia;
E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda.” Mateus 7: 21 ao 27

Observem que a diferença básica entre os dois texto é a parte em negrito, mais especificamente a palavra não. Isto porque todos passaram pela mesma situação:
– Chuvas: são problemas esperados ou não que batem à nossa porta;
– Rios: são as grandes lutas e tribulações como doenças, desemprego, vícios, desilusões, rompimentos…podem ser sentimental, psicológica ou física
– Ventos: esta é a que mais do, são as fofocas, difamações, humilhações trazidas pelos ventos os sussurros das línguas que nos magoam, maltratam e ferem mais do que uma espada…
– Combateram a casa: isto porque não existe problemas específicos que so acontecem com este ou com aquele. O texto é claro ao afirmar que as duas casas sofreram a mesma luta e passaram pelos mesmos problemas, tanto faz ricos ou pobres, inteligentes ou não, culto ou não, crente ou não, que tenha fé ou não… Todos estamos sujeitos às situações da vida que batem à nosso porta a todo momento.

Mas a existe uma grande diferença entre cair ou ficar de pé, a palavra não se refere àqueles que têm para onde correr quando a luta esta difícil, e isso não significa que deixarão de lutar, mas sim que não estão mais sozinhos, que tem um Deus vivo, a Rocha viva, o Leão da tribo de Judá que olha e intercede por todos aqueles que n’Ele confiam. Deus nos dá forças para que, como uma família, possamos orar uns pelos outros, usar as ferramentas que nos foi dada para fortificar nossa alma e nossa fé (jejum, oração, consagração e meditar no que a Bíblia diz) e assim iremos perseverar e vencer as adversidades.

Em resumo, a diferença entre a casa estar de pé ou não está na atitude que você terá quando a chuva, o rio e o vento vier. Se ficar parado, a casa poderá ser destruída, mas se levantar a cabeça e lutar reforçando as janelas, os alicerces, os telhados e estocando alimento (espiritual), tenha certeza que o Senhor nosso Deus lutará ao seu lado, e você “será mais do que vencedor em Cristo Jesus”.

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Sonhar juntos

“ Sonho que se sonha só é só um sonho, mas sonho que se sonha junto é realidade”.
É uma parte de letra de uma música. Mas deveria ser mais um princípio de vida cristã (sonhar, orar e jejuar sempre juntos). O problema é que somos egoístas e  pensamos mais em nós mesmos do que no próximo (Tiago 4:3 “Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.”). Diariamente temos homens e mulheres caminhando sozinhos pelo deserto, aguardando no senhor e à espera de  quem irá completá-los para então seguirem o caminho juntos rumo à felicidade. Porém ambos oram somente para si, dizendo: “Senhor eu quero, me dá, eu preciso, estou cansado disso e daquilo…”.
Hoje tenho uma proposta diferente, vamos  orar para a nossa benção que esta  à caminho, para que a jornada no  deserto seja abreviada e a benção seja entregue.  Pois assim a jornada no deserto terminará  no mesmo momento para os dois, e  ninguém ficará esperando.
Autor: Gleidson Rocha Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

APRENDENDO A RE_CLAMAR

Queridos, você já reparou que tem pessoas que utilizam boa parte do tempo para reclamar.
O sol esta muito quente, hoje esta muito frio, esta muito abafado, vai chover, esta chovendo, tenho que trabalhar, não deu para almoçar, a hora não passa, ganho muito mal, faz tempo que não ganho aumento, não deu pra dormir direito, o menino esta só chorando, Deus não me houve, não sei o que fazer…

Paraaaaaaaaaaaaaaaa! Pois se você conhece alguém assim, saiba que é um vírus, igual dos computadores, altamente destrutivo do ambiente onde passam, e pior ainda quando fixam moradia. Quer seja na empresa, na casa ou na igreja.

Ninguém consegue ficar perto de pessoa que só pensa em reclamar e reclamar. Quando nos deparamos com este tipo de comportamento, nossa primeira reação é tentar se esquivar para que não nos contamine e estrague nosso dia.

Acima citei apenas algumas das afirmativas destes destruidores de alegria. E transformando-os em perguntas, darei possíveis algumas possíves:

– O sol esta muito quente: Glorias a Deus, pois ira fortalecer as plantas e secar a terra;
– Esta muito frio: Glória a Deus, pois podemos ficar mais abraçadinhos e trabalhar mais;
– Esta muito abafado: Glória a Deus, pois o vento esta chegando com o refrigério;
– Vai chover: Glória a Deus, pois água é vida, e em Cristo é vida em abundancia;
– Esta chovendo: Glória a Deus, pois esta enchendo os reservatórios e molhando as plantas;
– Tenho que trabalhar: Glória a Deus, pois não estou doente, e sou merecedor do fruto do meu suor;
– Não deu para almoçar: Glória a Deus, pois tenho que jejuar para fortalecer meu espírito;
– A hora não passa: Glória a Deus, pois nos deu 24h para cada um administrar e fazer o melhor uso;
– Ganho muito mal: Glória a Deus, pois quando fui contratado sabia exatamente quanto iria ganhar;
– Faz tempo que não ganho aumento: Glória a Deus, pois tenho a oportunidade de crescer, estudando e demonstrando ser mais capaz do que as pessoas que estão ao meu lado. Tempo não traz aumento salarial, mas competência com dedicação sim.
– Não deu pra dormir direito: Glória a Deus, pois o Senhor me despertou na madrugada para orar e conquistar mais rápido a minha benção.
– O menino esta só chorando: Glória a Deus, pois seus pulmões estão fortalecendo, e a casa com criança é uma casa feliz.
– Deus não me houve: Glória a Deus, pois sabe o momento certo de me abençoar, e o tempo certo de estar e permanecer no deserto para ser fortificado com as dificuldades, para que eu cresça, seja merecedor e nunca mais volte no estado que estava
– Não sei o que fazer: Glória a Deus, pois, se não tenho direção, irei parar, ajudar o próximo, aproveitar o momento para orar, ler a bíblia, jejuar e assim poderei enxergar o que Deus espera de mim. E de posse da resposta, irei ser o melhor funcionário, melhor filho, melhor marido, melhor esposa e melhor amigo.

Amados, convido a você para mudar a palavra RECLAMAR para RE_CLAMAR. Ou invés de usar nossas bocas e nosso tempo para questionar e pedir aos quatro ventos o que julgamos serem merecedores. Devemos ser mais humildes e colocar nas mãos do Senhor, clamar e clamar suas bênçãos e seu refrigério, suas providencias. Para que não apenas nossas necessidades físicas sejam sanadas, mas que nosso coração e nossa alma sejam confortados e alimentados com as águas da vida.

Quer um exemplo da diferença?
Responda rapidamente: você prefere ficar ao lado de alguém que vive reclamando, ou de alguém que esta sempre alegre e é sempre positivo, para cima?

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Valorize o que tem

quais são os teus valores?

Valorize o que você tem… a expressão ” a fruta da casa do vizinho é sempre mais doce” passou a ser verdade absoluta na vida de muitas pessoas, isto é, deixamos de valorizar o que temos para reclamar com Deus do que não temos. Mas se não valorizamos o que temos hoje, como dar valor ao que teremos?

Outra expressão bem conhecida diz: ” dê dinheiro e poder a ele, assim conhecerá o o verdadeiro carater e dignidade dele”. Muitas pessoas quando crescem um pouquinho começam a pisar nos outros. Infelizmente.

Outro exemplo é o dízimo, tem pessoas que não são fieis no pouco, e como serão no muito?10% acham muito, e na verdade é pouco pois 10% em 500 e ainda tem 450, mas se for 10 mil, ainda terá 9 mil par usar como quiser… Portanto você precisa dar valor ao que tem para poder ser capaz de crescer e ter cada vez mais, sendo abençoado por Deus a cada dia, pois assim será digno da bicicleta e também do carro importado.

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Armadilhas no caminho

Cuidado com as armadilhas… Muitas vezes aparecem em nosso caminho surpresas que no momento demostram ser ótimas, mas com o desenrolar da história se mostram verdadeiros pesadelos. Mas também pode acontecer o inverso, uma outra surpresa pode parecer ruim no primeiro momento, mas na realidade era apenas o pontapé que precisavamos para mudar nossa vida e para melhor. Exemplo: quando aparece uma oportunidade de emprego ou de namoro, pode inicialmente ser uma boa opção, mas quando olhamos mais criteriosamente e colocamos na balança ( o que tenho versus o que poderei ter) descobrimos ser uma furada, ficamos desempregados poucos meses depois ou perdemos quem realmente nos dava valor, tudo por causa da cobiça.

ATENÇÃO!!!!!!!

Mas há o lado positivo, quando sem esperar perdemos o emprego e em pouco tempo descobrimos nossa verdadeira vocação, ou verdadeiro amor. Tenha sabedoria, ore, analise, coloque na balança seu futuro e só depois tome a sua decisão. Assim que tenhamos o cuidado diário com nossas vidas, da forma como utilizamos nosso tempo, enquanto nos há tempo para isso, sendo que a cada manhã o Senhor tem derramado e renovado suas misericórdias sobre nós. “Então, lhes recomendou: Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui.” Lucas 12.15 e Efésios – 5:15 “Vigiai, pois, com cuidado sobre a vossa conduta: que ela não seja conduta de insensatos, mas de sábios.”
Cuidado para não perder sua benção, quando você abre mão de uma benção que Deus te deu, acredite, tem centenas de pessoas a sua volta que tentarão tomar posse do que deveria ser seu, mas por um motivo qualquer, acabou perdendo. Já ouviu a frase: “a fruta do vizinho é sempre melhor” ou ” a grama do vizinho é sempre mais verde”, normalmente só damos valor ao que temos quando perdemos, e normalmente costuma ser tarde demais quando nos damos conta disso, e memso arrependendo, e querendo de volta, a chance de reconquistar o que perdeu será pequena e virá recheada de dificuldades, medos e lutas.

pense com calma...

Portanto, cuidado com suas ações, pense muito bem antes de abrir mão das bençãos que Deus te dá. Lembre-se, tudo de bom foi Deus quem te deu, mas você e eu temos livre arbítrio (poder de dizer sim ou não) para aceitar ou recusar. E se recusadas, haverá sempre alguém achando que o que você ganhou é melhor e tentará pegar para ele. Portasnto vigiai. “Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor” Romanos 12:11 e Provérbios 16:20 “Quem examina cada questão com cuidado, prospera, e feliz é aquele que confia no Senhor.” com Gálatas 6:1 “Irmãos, se alguém for surpreendido numa falta, vós, que sois animados pelo Espírito, admoestai-o em espírito de mansidão. E tem cuidado de ti mesmo, para que não caias também em tentação!” Lembrando que, segundo o dicionário, CUIDADO significa: adj. Pensado, meditado, refletido. S. m. 1. Desvelo, solicitude. 2. Precaução, atenção. 3. Pessoa ou coisa objeto de desvelos. Interj. Atenção! Cautela!

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Ouvidos atentos…

“Devemos orar sempre, contudo não até Deus nos ouvir, mas até conseguirmos ouvir a Deus” – Ditado popular. Nosso costume é sempre dizer: eu quero, é o melhor pra mim, eu mereço, eu preciso, eu , eu, eu…

orar até ouvir DeusMas o que Deus quer pra nós? Será que realmente estamos aceitando a vontade de Deus? ou estamos querendo ‘forçar’ Deus a fazer o que julgamos ser o melhor? A verdade é que devemos orar e buscar a resposta que venha de Deus, pois tenho certeza que será o melhor para nós, porque nossa limitação de visão nos permite ver apenas o passado e o presente. Mas e o futuro?
O que vai nos acontecer na próxima hora, dia, semana, mês ou ano… só Deus sabe. E Ele, sabendo o que há de vir, certamente nos conduzirá no melhor caminho, com a pessoa certa eo emprego certo.

“Pois eu bem sei os planos que estou projetando para vós, diz o Senhor; planos de paz, e não de mal, para vos dar um futuro e uma esperança.” Jeremias 29.11  “Mas, como está escrito: As coisas que olhos não viram, nem ouvidos ouviram, nem penetraram o coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam.” I Coríntios 2.9


Portanto ore até ouvir o Senhor, confie n’Ele, tenha fé e seja feliz. Viva dias com os ouvidos abertos.

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Àgua que produz a verdadeira vida

viva agua

àgua que gera vida

Você sabe o valor e a importância da àgua para a vida? Se sabe comece a relembrar, não apenas que ela mata a sede, mas que tráz vida às plantas, que tráz verde e vida aos desertos, que molda as maravilhas da natureza e dos rios, que chega a todos os cantos da terra atráves das chuvas, enfim somos incapazes de sobreviver sem àgua.
Assim somos nós, e Jesus é a fonte de àguas vivas, e quer fazer parte de nosso coração. Deus quer fazer parte de nosso ser, quer transformar nossa alma e mostrar que com Jesus somos mais do que vencedores. “Se Deus é por nós, quem será contra nós?” Romanos 8.31 Eu respondo: ninguém. Deus é contigo e te fará vitorioso, sanará sua sede e salvará nossas vidas.

13 Afirmou-lhe Jesus: Quem beber desta água tornará a ter sede;14 aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna.João 4. 13,14
37 No último dia, o grande dia da festa, levantou-se Jesus e exclamou: Se alguém tem sede, venha a mim e beba.38 Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva.39 Isto ele disse com respeito ao Espírito que haviam de receber os que nele cressem; pois o Espírito até aquele momento não fora dado, porque Jesus não havia sido ainda glorificado. João 7. 37 ao 39

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Apontar e julgar

” Porque, se nos julgássemos a nós mesmos, não seríamos julgados. Mas, quando julgados, somos disciplinados pelo Senhor, para não sermos condenados com o mundo.” I Coríntios 11.31 e 32

julagr

apontar e julgar

Paulo falou estas palavras porque o ser humano tem o costume julgar o próximo. Ao invés disso, deveria-se tentar entender o por que dele fazer tal coisa ou agir errado. Antes devemos olhar para dentro de nós, consertar os erros e defeitos e só depois emitir uma opinião acertiva ou um comentário que possa ajudar e não destruir.
Por isto, quando falamos de alguém, acabamos condenando pela imagem e não pelo que tem no coração. Então queridos, me ouçam, a virtude está em amar o próximo independente dos defeitos, entendê-lo e conviver com ele. Todos nós temos fraquezas e defeitos, mas para que haja uma mudança real, ela precisa acontecer de dentro para fora.
Entender e aceitar as imperfeições e falhas que eu tenho, e buscar corrigí-las. Só depois tentar ajudar o próximo, mas nunca tentar mudar as pessoas a nossa imagem e sim valorizar as qualidades do outro.

Autor: Gleidson Rocha

Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.