QUAL O TAMANHO DO SEU AMOR?

Esta semana estive meditado sobre a supremacia do amor, que esta na bíblia, em Coríntios 13, e principalmente na frase: “o amor tudo suporta.”

É fato que com amor, tudo é possível, e sem o amor nada se concretiza. Isto é, quando amamos e somos amados, conquistamos juntos, passamos pelas tempestades, pelas turbulências, pelas dificuldades, não importa o que acontece, sempre temos onde nos apoiar e nos escorar para permanecemos de pé. Mas quando não o temos, somos frágeis, qualquer brisa nos derruba, pois, não temos apoio e nem onde buscar forças. É um momento terrível onde o inimigo de nossas almas e as pessoas que, se regozijam com nossos tropeços e fracassos, podem zombar de nossa queda e usar como tapete a nossa dor.

Como exemplo, podemos pegar um graveto e quebrar facilmente, mas quando juntamos vários gravetos, nem o homem mais forte do mundo consegue quebrar. Quero dizer com isto, que existe uma frase antiga que é a mais pura verdade, “A união faz a força”, e não pode haver união se não houver amor.

Contudo, o que venho falar e perguntar é: Qual o tamanho do seu amor?
A resposta correta seria, não posso medir, mas estarei sempre presente quando as pessoas que amo precisarem de mim. Em outras palavras, o tamanho do meu amor é proporcional a minha entrega.

Estamos numa fase em que nossa maneira de amar tem se tornado muito egoísta. Isto é, em nossa percepção, amamos tanto que não queremos dividir, queremos tudo para nós. E quando vemos os irmãos sendo abençoados, sempre nos perguntamos por que não é comigo, por que não é minha vez. Um triste sinal claro de egoísmo e ganância, uma falta de amor para com o próximo, que com certeza pagou o preço daquela benção, mesmo que não conheçamos a sua historia que vai do sofrimento, da busca e adoração até a conquista e refrigério.

Às vezes achamos que o amor unilateral é o suficiente para sustentar uma relação ou situação. Esquecendo muitas vezes que nossa liberdade termina onde a do próximo começa e vice-versa. E por não entendermos o outro, não respeitamos seu limite, o limite que cada um tem frente a determinadas situações e conflitos. Por isso, quando percebemos que alguém precisa de nós, esquecemos de nos doar e focamos em nossas prioridades ou necessidades, antes de estender uma mão amiga, e atender à quem “dizemos que amamos”. E preferimos dizer a quem nos procura, “estarei orando por você e assim que possível vamos conversar”. Muitas vezes o meu e o seu ‘assim que possível’ é tarde demais na vida daquele que nos procura.

Amados, isto é egoísmo, pois nos momentos de maior aflição, tudo o que queremos é que alguém fique ao nosso lado e se compadeça conosco, ore conosco, chore conosco. E nos ouça.

Do mesmo modo acontece num relacionamento íntimo. Durante o namoro acreditamos que o amor de uma pessoa é o suficiente, e para não magoá-la, acabamos por sustentar uma relação que acaba por tirar a liberdade e o direito de ser feliz da outra. E é por isto, que temos muitos relacionamentos destruídos. Temos que entender que às vezes a maior prova de amor, é dar a liberdade de o próximo ser feliz. É não tentar adivinhar o que será melhor para o outro, mas orar com ele em busca da resposta de Deus para que se possa seguir caminhando e conquistando.

Portanto, temos que parar de orar assim:

– Senhor, eu quero… Senhor eu preciso… Senhor, é tudo para mim… Senhor, sem isto ou sem ele(a) eu não vivo… Senhor, me dá, me dá, me dá… Senhor! Tu disseste, trazei os tesouros à casa do Senhor e fazei prova de mim, então eu quero, eu quero, eu quero…

Isto é errado, pois devemos orar assim:
– Senhor se for da sua vontade, abençoe esta situação e prospere, mas se não for, conforta minha alma e tire do meu coração.

Pois assim, seremos dignos de ser abençoados de acordo com o coração de Deus, pois a maior prova de amor é saber a hora de abrir mão do que temos de mais precioso, para que Nosso Senhor possa agir buscando o que é melhor para cada um de nós. E Ele mesmo nos deu este exemplo, abrindo mão de seu Filho unigênito para que viesse em forma de homem, sofresse por nós e fosse crucificado para perdão de nossos pecados e para que tenhamos o direito à vida eterna.

Contudo, ter direito é uma coisa, tomar posse é outra, mas este é um assunto para o próximo texto.

Um dia cheio de amor e conquistas para você, caminhado de acordo com a vontade e amor de Deus.

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

O que é melhor: cuidar da vitrine ou do interior da loja?

vista

o segredo da vitrine

Quem respondeu a vitrine, errou; e quem falou o interior, errou também. Na realidade um é consequência do outro, por mais que a aparência chame atenção, ou seja, “comemos com os olhos”, não é possível ficar restrito apenas a embalagem(a casca), pois a vitrine apenas embala(engloba) uma estrutura complexa. Será apenas uma vez e nunca mais voltaremos a experimentar a sensação em nós despertada pela visão da vitrine; mas se ela não chamar a atenção como veremos o interior da loja?
Portanto saiba que a aparência exterior de um ser expõe o interior (caráter) do mesmo, e nunca se esqueça de observar bem nos olhos das pessoas, pois eles são a janela da alma, alcançam a sinceridade do coração e revelam a verdadeira face da pessoa. Quem fala olhando no fundo dos olhos, dificilmente mente. E quem desvia sempre o olhar, normalmente não é confiável.

olhar misterioso

todo olhar tem um segredo escondido

Você deve estar ai pensando: “Mas é claro que temos exceções”, contudo não se engane, desvende o que os olhos vêem e o que os fatos dizem. Cuide do seu interior e o revele na sua aparência, demonstre o que há em seu maravilhoso coração e a pureza da sua alma.“Seja, porém, a tua palavra: Sim, sim; não, não. O que disto passar vem do maligno” (Mt.5.37)
Nesse momento me lembro que a palavra de Deus afirma que Jesus não tinha uma aparência que atraisse as pessoas. Leia: “2 Porque foi subindo como renovo perante ele e como raiz de uma terra seca; não tinha aparência nem formosura; olhamo-lo, mas nenhuma beleza havia que nos agradasse.3 Era desprezado e o mais rejeitado entre os homens; homem de dores e que sabe o que é padecer; e, como um de quem os homens escondem o rosto, era desprezado, e dele não fizemos caso. Isaias 53.2,3”
O mundo (a sociedade) nos ensina que a beleza está nos olhos de quem vê, é quando focamos o olhar no desejo e anseios, visualizamos apenas as maravilhas e prazeres proporcionados momentaneamente, neste ponto de vista não levamos em conta as conseqüências dos atos praticados e das ações refletidas, sendo assim, até as drogas aparentam ser boa. E para justificar os erros, nós seres humanos desenvolvemos e alimentamos o poder da desculpa, isto é, neste momento que nasce a busca incessante de justificar e omitir os erros, tomam-se atitudes que culminam ou acabam criando frases absurdas que chegam e agridem nossos ouvidos:
– “Os fins justificam os meios”;
– “Dar com uma mão e retirar com a outra”;
– “Não tive outra saída”;
– “Era imprescindível naquele momento”;
– “A regra é clara e vale para todos, contudo…” e por ai vai, a lista é extensa.
Em resumo, é uma tremenda hipocrisia de todos nós querendo distorcer as regras e a palavra ao nosso favor, ao nosso agrado. E isto deveria nos envergonhar, mas não acontece na maiorias dos casos.
Mas nem tudo é trevas, pois a verdadeira beleza está no coração de quem recebe a vida do Senhor em seu interior, ela está no íntimo daqueles que não buscam prazeres momentâneos, mas focam na materialização de conquistas que geram alegrias

rostos alegres

alegria que embeleza

duradouras. Como esta escrito em Provérbios 15.13a “O coração alegre aformoseia o rosto, mas com a tristeza do coração o espírito se abate.” e no verso 15b do mesmo capítulo ” mas a alegria do coração é banquete contínuo.” E se aos seus olhos tudo parece esta perdido, lembre-se que no Salmos 124:8 está escrito: “O nosso socorro está no nome do Senhor, que fez os céus e a terra”. Portanto não temerei, mas seguirei em frente, abrindo os olhos, e enxergando muito além da vitrine, indo até a essência da alma. E conseguirei esse novo olhar quando eu permitir que Deus toque nos meus olhos e os cure.
O mundo pode e sempre vai brilhar mais aos seus olhos, a porta sempre será mais ampla e mais fácil de passar, mas no fim dela você já sabe o que vai encontrar… a morte.
Os olhos estão ligados ao que é físico, e não espiritual, sendo assim, ninguém iria seguir a Jesus, pois bíblia fala que em resumo, de aparência Jesus era muito feio. “Ele não tinha beleza ou formosura que nos atraísse…” Isaias 53.2 Fala a respeito da beleza física de Jesus, mas quero compartilhar algo que é mais profundo que isso, perceba que aquilo que Jesus trazia no seu íntimo era o que de fato atraía as pessoas para perto dele, a beleza interior. E isso significa que nós devemos seguir seu exemplo e cultivar as bem aventuranças, ou seja, desenvolver e praticar o amor ao próximo, exercer de graça suas qualidades e virtudes em ajudar e estender a mão, distribuir fé e esperança; demonstrando que nosso espírito está ligado ao que é de Deus.
Quando falamos da preocupação com a vitrine ao invés do interior da loja, estamos falando para não viver de aparência, pois o Deus que nos vê em oculto, também conhece nossos corações e todos os nossos segredos. Jesus nos falou sobre isto em um de seus sermões: “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque limpais o exterior do copo e do prato, mas estes, por dentro, estão cheios de rapina e intemperança! Fariseu cego, limpa primeiro o interior do copo, para que também o seu exterior fique limpo! Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que, por fora, se mostram belos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda imundícia! Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas, por dentro, estais cheios de hipocrisia e de iniqüidade.” Mt 23.25 ao 28
Ou seja, não devemos ser iguais ao ‘Sepulcro caiado’, por fora bonito e bem chamativo, ou seja belo e lindo, mas por dentro, guardava cadáveres, continha morte, sujeira, podridão.
Assim, aqui deixamos um conselho para mim e para você, afinal, do que adianta ter palavras bonitas e de poder se não a praticamos? A palavra que sai de nossa boca deve falar primeiramente ao nosso coração, para depois sair aos ouvidos e dar frutos, bons frutos. “Que cada um cuide do que vê. Que cada um cuide do que diz. A razão é simples: o Reino de Deus pode começar ou terminar nas palavras que escolhemos dizer.”

Autor: Gleidson Rocha em co-autoria com Elisária Castro
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Presente Especial

amanhecer

Hoje quero te lembrar do presente especial que tem ganhado e nem percebido. Mas antes quero lhe lembrar da diferença deste que normalmente é esquecido em comparação com os ruins, que apesar de sempre dizer “não é bem assim”, não foi isto que eu pedi, ou não era isto o que eu queria, nós acabamos em recebê-los e por conseqüências em dar mais valor ao mau do que ao bom presente.
Sendo assim, vamos fazer as comparações entre o “mau” e o “bom” presente.
O mau sempre espera algo em troca, o bom é de boa vontade apenas espera que você goste.
O mau espera e avalia sua reação, o bom planeja para que você goste.
O mau tenta manipulá-lo com o presente, o bom quer que você curta e aproveite .
O mau impõe, o bom escuta.
O mau cobra, o bom doa.
O mau cria dependência, o bom te liberta para a vida.
O mau limita seus horizontes, o bom te dá vida.
O mau tira se o desagradar, o bom chora contigo.

Eclesiastes 3.2 b: “tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou”            Salmos – 72:5 ao 7 “5 – Temer-te-ão enquanto durarem o sol e a lua, de geração em geração. 6 – Seja ele como chuva que desce sobre a campina ceifada, como aguaceiros que regam a terra. 7 – Floresça em seus dias o justo, e haja abundância de paz até que cesse de haver lua.”

a lua e as estrelas

Quero te falar dos presentes que tem o horizonte singelo, que não tem segundas intenções e não irá te cobrar ou jogar na sua cara no futuro. Quero te falar que na inocência destes presentes observa-se a pureza do amor de dar sem receber, amor ágape.
Quero te falar do presente que é diferente daqueles que os homens dão todos os dias, ou aqueles que raramente chegam, quer seja de um parente, amigo, colegas ou conhecidos.
Falos dos presentes diários e temporários, como o sol que nasce maravilhoso a cada manhã, a brisa que sopra suave e toca seu rosto para aliviar o calor, das chuvas quando caem e preparam o caminho da primavera com todas as suas flores e encantos. Onde as árvores produzem seus frutos e alimentos a cada temporada. Onde a noite vem todos os dias para te fazer descansar, onde no meio do caminho da escuridão o céu nunca fica tão negro, pois vemos as estrelas que passeiam com seu brilho sem igual. Onde o presente chega com um recado com a lua, e ela obediente vem lhe dizer que um novo dia irá raiar maravilhosamente em sua vida, e suas lágrimas serão enxugadas, e seus sorrisos serão restaurados, e você terá novos desejos e novos sonhos, pois os antigos serão realizados.
Venho lhe falar dos presentes que Deus tem colocado em sua vida, que apesar do mundo sempre lhe dizer não, você não vai desistir, pois o mau que impuseram em sua vida é mínimo em comparação com o amor que Deus tem para você. Jesus é sua esperança viva e será reavivada a cada manhã, a cada lágrima colhida, a cada sorriso libertado, e a cada dia se tornará mais ardente e vigorante, será estímulo de vitórias.
Para este presente você necessitará de novos sonhos, para que juntos possamos caminhar rumo ao futuro que te espera, de todas as bênçãos e conquistas que Deus cuidadosamente planejou para você.

“Teu é o dia; tua, também, a noite; a luz e o sol, tu os formaste.” Salmos 74.16 ” E lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram.” Apocalipse 21.4

Deus te deu muito mais do que você pode imaginar, mas por sermos tão falhos e tão pequenos normalmente não somos capazes de identificar as belas coisas que estão na nossa frete, pois valorizamos muito mais a chuva que pinga de nosso telhado do que a tempestade que cai lá fora.
Sempre olhamos as situações adversas ao nosso desejo do que as portas que se abrem, e as alegrias que vivemos. Portanto, vamos nos banhar ao sol que cai toda manhã, tomar a àgua que foi depositada pela chuva e sentir o cheiro das flores da primavera, porque acredito na bondade e na felicidade, e amanhã… Será um novo dia.

Autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.

Beleza em pétalas

belaHoje vou relembrar que você mulher é como um botão de rosas… a rosa é a mais linda flor, de um perfume inigualável e de pétalas macias e sedosas, porém em toda sua exuberância, às vezes esquecemos que a rosa tem espinhos.
E assim são as mulheres: de qualidades, belezas e virtudes extraordinárias. Contudo elas também tem espinhos(defeitos).

E temos 3 formas de lidar com eles:
1 – arrancar, retirar os principais defeitos;
2 – podá-los, melhorar e controlar os defeitos;
3 – conviver, amar os defeitos.

Mas independente de como os trate, o importante é que todas as vezes que você a ver, verás que resplandece a beleza de uma flor, pois, assim tudo que veremos é a beleza de uma linda, virtuosa, guerreira e resplandecente MULHER.

autor: Gleidson Rocha
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License.